domingo, 11 de janeiro de 2015

Gravação:Dicas de camadas e dobras de som!!!

Dificuldade: Médio 
DAW: A que você usa 
 Nessa postagem vou explicar de uma forma prática sobre camadas e dobras de som em sua gravação!!!


1.Cuidado com as fases!
Primeiramente não basta você simplesmente "gravar" em camadas tem ter cuidado para uma fase não cancelar a outra. "fase" (Phase) é a onda em estéreo que contém as informações sonoras, assim como um computador que usa o mesmo "ip" do outro cancela ambos, acontece também com o som, como no vídeo bem explicado sobre o assunto:



Por isso que geralmente gravo tudo em "mono" para depois evitar "dores de cabeça" com a pista que dupliquei, porém isso não é uma "regra geral". Muita gente faz "dobras" em estéreo e o único cuidado além do desempenho é evitar que os microfones (se tiver usando eles) entre em "cancelamento de fase".
Se você gravar a primeira "dobra" em linha e a segunda usando um microfone também irá precisar ter o mesmo cuidado. Primeiramente faça um "teste" antes de gravar só para ter certeza que uma pista não irá anular a outra.


2.Evite duplicar e sim gravar.
Muita gente fala "pra que gravar de novo se é só duplicar a pista"? Pois hoje em dia temos DAW e as mesas digitais oferecem também maneiras de duplicar uma pista porém aqui temos 3 problemas.

A)Ao duplicar pistas "exatamente iguais" você terá que fazer uma automação para que uma "fase não cancele a outra" pois "fases iguais" cancelam o som.

B)Flanging: é o efeito que causa ao duplicar pistas usando fases iguais. Recebe esse nome pois lembra o efeito "flanger" e parece que você está "cantando no banheiro" .

C)Resolução de problemas podem ser demoradas ou invés de simplesmente pegar e gravar novamente.

Claro que muita gente que "duplica" e não acontece isso, porém eles já tem seus plugins previamente prontos com seus "presets" que evitarão conflitos. Você pode fazer também isso, mas lembre-se que gravando novamente você tem um "novo desempenho" de repente melhor que o anterior, que pode ser usado para "jogar" a pista pra frente.

3.O milagre da terceira, da oitava e da quinta.
Existe uma maneira de fazer um "autotune" sem precisar do plugin. Basta gravar novamente a voz principal "a la Beatles" ou seja, uma voz na terceira e outra na quinta e se puder outra na oitava. O que vai acontecer?
Essas dobras irão corrigir as "imperfeições" do vocal principal. O bom mesmo é gravar a terceira/quinta/oitava usando "outra pessoa com outra voz" que é um truque bem comum hoje em dia.É só lembrar do Beatles: todo mundo acha a voz de "John Lennon" maravilhosa, mas são os 4 que cantam juntos e na minha opinião quem se destaca é a voz do "Paul Macterney".

4. Organize as frequências e o pan
Todos nós sabemos que temos que equalizar para dar mais ganho, retirar impurezas, dar destaque, etc....Quando fazemos uma dobra uma coisa interessante é que numa delas podemos fazer uma equalização diferente da outra e depois equalizar "geral" num "buss/aux". Isso é interessante pois além destacar pode criar um efeito diferente na pista que está dobrando.
Sobre o "Pan" a regra básica geralmente é pegar e colocar uma dobra para um lado e a outra para outro. A mais clássica seria uma pista com efeito de um lado e outra sem do outro, porém você que decide isso lembrando sempre par não acontecer conflito de "fases".

5.Organize os efeitos
Um dos truques que uso bastante no vocal não é novo e funciona. Por exemplo eu faço 4 dobras da voz principal.

A primeira dobra deixo seco apenas com compressão;
A segunda dobra coloco um "autotune" para corrigir imperfeições;
A terceira dobra coloco um reverb ou chorus;
E quarta dobra uma "distorção" tipo guitarra.

Após isso defino o pan e pronto! Uma voz bem destacada! Aqui você pode até "copiar e colar" a voz ao invés de dobrar porém tomando cuidado com as fases. Outra coisa se as vozes não tiver equalizadas ou volumes ficarem muito próximos, uma delas tende a sumir matando as outras.Por isso dose tudo com cuidado e ouça se fecha com a instrumentação. Essa dica é válida para qualquer instrumento, sua criatividade que manda.

6.Organize a compressão
Como não sei qual o modo que você vai comprimir, sugiro e, dobras você deixar a distorção com mais "release" e menos "ratio" na pista e no "buss/aux" (o canal sub) deixar a compressão mais pesada. Porém isso só uma dica, o certo é pesquisar para ver qual a melhor compressão vai encaixar nesses casos.

7.Dobre com outro instrumento diferente
Você pode pegar a voz e dobrar com um solo de guitarra, ou pegar a guitarra e dobrar com um solo de teclado, ou pegar o teclado e dobrar com um solo de sopro, enfim é só chamar seu amigo para gravar ou você mesmo se é multi-instrumentista. Quando dobrado coloque com um volume menor na pista principal ou com outro pan. Isso bem usado no "synthpop" porém vale para qualquer ouro estilo.

8.Como colocar as dobras.
Teoricamente se você ficar gravando umas 10 pistas de dobras, logo seu uso de CPU vai reinar e principalmente se você inventar de mixar. Um boa maneira de resolver isso é só usar as pista rítimicas (bateria, baixo e acompanhamento) para gravar e mixar as dobras. Após tudo mixado, faça as dobras virarem uma pista só e mixe normalmente. Porém outro problema é quanto mais "conversão de áudio" você faz, mas ele se fragmenta, por isso faça isso quando estive tudo realmente pronto. Lembre-se que você ainda vai masterizar essa mixagem.
9.Cuidado com o excesso de trafégo no campo estéreo.
Além do cuidado com a "fase" outra coisa como comentado no item 5 é que uma dobra "mixada errado" tende a anular as outras pistas. A forma mais comum de detectar isso é o "flanging" que é o efeito "fora de fase" que parece um flanger. Isso acontece devido ao "campo estéreo" não ter mais para onde ir. O video em inglês abaixo mostra um exemplo prático do que é isso:

Preste atenção no desenho e compare isso com um "analisador de espectro" este é 2º maior segredo da mixagem, o 1º é saber é como fazer cada harmônico trabalhar direito nela mesma o que não é fácil pra quem grava em casa.

10.Porque as camadas destacam mais
Eu vou dar o exemplo da minha primeira gravação que fiz no "Palco KH" a minha música "Vontade de Amar":.



Quem quiser ver os detalhes da gravação entre aqui. Essa história de camada eu já tinha lido muito, por isso a primeira vez que gravei sozinho já tinha isso em mente nas vozes: a 1º com reveb hall, a 2º com chorus, a 3º dobrando a quinta e a 4º com delay. A gravação parece anos 80 porque isso era usado muito nos anos 80!
Escute por exemplo a "only tracks" da música "Rio" do "Duran Duran":




E hoje dia há muito mais canais de vozes, como já expliquei em postagens anteriores ou porque vocês acham que os "queridinhos da mídia" tem voz perfeita no estúdio e ao vivo são um fiasco?

A todos ótimas gravações!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Acreditamos sempre na liberdade de expressão e na troca de ideias!
Por favor pense antes de comentar!
Se está com alguma dificuldade coloque o e-mail para podemos responder com mais clareza! Abraços! Ótimas Gravações!