terça-feira, 8 de dezembro de 2009

plugins VST e simuladores


Vamos começar falando que nos anos 1960 já existiam as guitarras Fender e Gibson que são padrões até hoje (Porém uma Fender 1960 em matéria de som é muito superior as fabricadas hoje em dia) mas não existia equipamentos. Por isso guitarristas como Jimi Hendrix, George Harrison, Eric Clapton, Buddy Guy,Peter Tomsend entre outros buscavam com os fabricantes da epóca (Fender, Vox, Orange, Gibson e a recém criada Marshall) maneiras de suas guitarras soarem alto. Já nos anos de 1970 Jimmy Page, Ritchie Blackmore, Brian May, David Gilmour, Nile Rodgers, Steve Howe entre outros, abusaram de efeitos como chorus, flanger, tape-echo, delay criando textura parecidas com sintetizador.Aqui também destaco José Aroldo Binda, Pepeu Gomes, Sérgio Dias guitarristas brasileiros respeitados que ganharam fama internacional. Nos de 1980 foi a vez de Rhandy Roads, Yingie Malmsteen, Ed Van Halen, Steve Vai, Steve Morse, Joe Satriani e inúmeros mais que abusaram e ousaram com novas guitarras como Jackson, Ibanez, Krammer, Charvel além de processadores de efeitos e novos amplificadores como Mesa Boogie e Peavey, destacando aqui os guitarristas brasileiros como Edgar Scandurra, Armandinho, Wander Taffo, Sérgio Dias, Lulu Santos. No ano de 1990 um idéia surgida no fim da década passada invadiu as lojas: as pedaleiras. Vários efeitos juntos num mesmo processador que podia ser acionado com o pé e fase master de guitarristas/professores como Mozart Mello, Faíska, Polaco, Marcinho Eiras graças ao surgimento de revistas como "Cover Guitarra" e "Guitar Player". Já na outro século, hoje em dia estamos sendo marcados por diversas coisas como pedaleiras com simulação de amplificador, amplificadores com efeitos, guitarras que simulam outras guitarras, guitarras usb e claro VST de guitarra.
O Plugin para guitarra no formato VST, RTA, VST3, DX cada vez mais são usados em estúdios em em casa. O fator é simples: simula amplificadores, pedais, racks cade vez mais reais. É só comparar a nova versão do guitar rig, com a sua anterior:



Claro que não existe só o Guitar Rig, também temos o Line 6 ampfarm, Amplitube (metal, fender, Hendrix, 2, 1), Devil Studio e muitos outros, incluindo o Sansamp RTA, video abaixo.



Especialistas dizem, que provalvemente num futuro próximo, o guitarrista carregará apenas um notebook e seu amplificador favorito, mas até lá os plugins tem um longo caminho.
Como Gravar a Guitarra?
Muitos que estão começando a mexer com plugin (incluse eu passei por isso) acham que se pegar uma Eagle Stratocaster, passar o preset do Steve Vai, o som será igual a dele tocando com uma Jem e toda sua parafenalha de milhares de doláres. A verdade, que os plugins funcionam via "impluse" que um sample de som de um amplificador de som vazio e o ao tocarmos o som que dos captadores da nossa guitarra chegam a ao plugins e o impulse os transforma em enche o som como um balão. Por isso, que o próximo passo dos plugins é a modelagem física, ou seja é como você estivesse com amplificador real dentro do seu computador, pois o pior problema do "impulse" é que ele depende de Latência, ou seja se você não tiver um placa profissional esqueça de querer grava-lo em tempo real. Porém gravar a guitarra limpa e depois passar plugin a menos que você tenha uma Guitarra Line 6 Variax pouco vai resolver gravar direto o som limpo no seu computador!O plugin precisa de um boa pré amplificação para sair um som decente na guitarra. Quando vou gravar/ou tocar ao vivo usando plugin eu faço assim: guitarra, vai para o boost, que vai pra 3 pedais de distorção, que vai para uma pedaleira que vai pra um pré amplificador, que vai finalmente para uma placa de som externa M-audio Fast Track! Claro, que muitas vezes só uso o pré-amplificador e fast track, e se for ao vivo o computador tem que ser um laptop no minímo com Dual Core. E ainda, muitas vezes o som não fica descente, pois precisari ainda um conversor A/D (analógico/digital) porém isso custa caro. Além disso, um Line 6 Pod XT ou uma Boss GT-10 funcionam também e até melhor que um plugin, pois possue saída usb e gravam o som direto.
Alguns site de plugins e simuladores:
http://www.native-instruments.com/
http://www.ikmultimedia.com/
http://www.studiodevil.com/home/
http://line6.com/
http://www.tech21nyc.com/

Outa coisa, plugins piratas sempre são uma droga, só travam....

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Acreditamos sempre na liberdade de expressão e na troca de ideias!
Por favor pense antes de comentar!
Se está com alguma dificuldade coloque o e-mail para podemos responder com mais clareza! Abraços! Ótimas Gravações!