domingo, 26 de junho de 2016

Coluna do Anício: será que um dia você ira gravar um CD?

Salvem Pessoas!
Ando meio corrido para escrever aqui no blog por causa das aulas que dou.
Bem que gostaria de dizer que foi por causa de projeto pessoais mas não é, estou com bastante alunos e o resto um pouco de tudo como shows, gravações ou tocar como músico de apoio mas como já disse antes, todo músico está sujeito a isso.
Estava lendo um artigo em algum lugar onde muitas gravadoras comentam sobre a queda de arrecadação com "CD/DVD" e outras que comentam um aumento
na música on-line (em forma de stream) e como ela anda dominando o mercado e de certa forma há um sentido porque muitos CDs que eu estava atrás a um tempão, nem baixei ou comprei e sim
consegui através do meu celular pelo Google Store!. Claro que por exemplo muitos deles "expiram" em 48 horas mas você sempre dá um jeito de copiar e na verdade
se considerar isso pirataria chega a ser estranho porque você pagou e deu direitos autorais então se quiser fazer um cópia para si mesmo não viola nada!
Seria como comprar um CD/DVD e não puder converter para MP3/MP4 para estudo!
Voltando ao assunto você sabia que já houve uma "era dourada" para a extinta fita cassete e que não foi os anos 70 ou 80 e sim os 90?
Porque lá em 1990 surgiu nos Estados Unidos o "booom" da gravadoras independentes e elas por exemplo lançaram bandas que conhecemos até hoje como Nirvana e Pearl jam e esses caras só tinham a "demo gravada" para destribuir entre seus amigos (e fãs) além de tentar achar algum empresário que leva-se fé no seu trabalho.
De certa forma o Grunge contribui demais para as gravadoras independente e quando falamos das fitas cassetes é porque a maioria delas usa um meio bem "básico" de gravação: uma mesa de som (mixer), potência ligados a um ADAT ou mesmo num gravador de Fita Cassete semi profissional (tape recivercomo esse que tenho em casa.  Isso foi lá porque por aqui  a maioria das gravações de bandas aconteciam com "vários" ou apenas "um" microfone pendurado na sala de ensaio gravando direto no seu 3 em 1!
Hoje em dia gravamos facilmente com uma qualidade superior a dos anos de (19)90 usando apenas um notebook! Claro existem outros critérios como por exemplo aparelhos de in/out, qualidade de instrumentos usados, tratamento acústico, etc... Mas uma mesa de som ligada ao seu computador já faz bem mais coisas do que se poderia fazer naquele tempo principalmente se ela for USB então devido a isso hoje em dia está acontecendo uma coisa bem previsível.


Se você olhar alguns programas da tv quando alguém aparece cantando seja artista, dupla ou banda geralmente eles falam nas visualizações conseguidas no "you tube" e nunca falam no CD/DVD isso porque a maioria deles ainda nem começou a gravar o e assim mesmo já saem fazendo shows pelo país afora e ainda tocando músicas que o público conhece e isso é um dos mais fáceis modos de ver o que a onda "stream" irá fazer futuramente com as mídias CD/DVD e Blue Ray e possivelmente já a fabricantes dessas mídias com uma pulga atrás da orelha.
O Brasil não é um país muito conhecido por fãs aficionados. Quando há alguns deles as tvs e as redes sociais adoram mostra-los porque não é comum e isso já foi muito discutido no meio da música porque por exemplo quando se ouviu falar de gente se "amotoando" em filas nas lojas para comprar o último CD do Wesley Safadão (que o artista top do momento)?
Não mesmo, geralmente a pessoa olha o preço e vai correndo ver se já tem na internet ou se não tiver procura no camelo mais próximo  e isso nem é por causa do "jeitinho brasileiro" é porque  as mídias originais são absurdamente caras ou vai ver que o fã nem se importa em ajudar o artista porque nem só de shows ele sobrevive e sim também dos direitos autorais.
O que vejo (e ouço) muito é os músicos gravarem num bom estúdio umas 4 músicas e investirem em vídeos que chamam a atenção na internet para tentar ganhar o máximo de visualizações possíveis e muitas vezes nem trás tanto retorno financeiro, parece que hoje em dia ter satisfação pessoal é mais importante do que o valor do trabalho conquistado (em termos financeiros) e isso não é só uma tendência por aqui começou lá fora que aliás alguns poucos artistas souberam tirar proveito disso.
Antes nada quase era tão on line por isso alguns artistas juntamente com seus produtores começaram a ter uma ideia melhor como se vender na internet.
Acho que o primeiro que vi fazendo foi o veterano Billy Idol quando lançou o seu álbum (e muito bom) Devils Playground em 1995 ele colocou simplesmente a melhor faixa do álbum disponível para baixar gratuitamente em seu site a surpreendente Scream e essa música contribui para alavancar as vendas do álbum.


Após isso algumas bandas começaram a seguir o mesmo exemplo inclusive teve (que cujo o nome não me recordo) que deixou todo álbum disponível para download e também para vender nas lojas e a estratégia deu tão certo que o álbum foi muito bem vendido e isso funcionaria no Brasil?
Muita gente anda colocando de "graça" seu CD para download basta você pesquisar no Google, o problema é que 90% dessas pessoas são desconhecidas para o grande público então eles se contentam em lucrar em cima dos "shows" que fazem pois um CD bem gravado com músicas legais também abre bastante portas.
Vendo que o Stream colocou o CD em xeque pelo simples motivo:
Se as pessoas estão preferindo usar a internet para ouvir música porque você irá gastar um fortuna para prensar seu CD? Será que não é mais vantagem você gravar num bom estúdio e depois colocar na rede para o povo ouvir? Lógico que o problema ainda a ser resolvido é a arrecadação como será feita pois se já é difícil lá fora com bastante organização imagine por aqui onde quase tudo funciona aos "trancos e barrancos" porém essa parte da história somente o futuro nos dirá.



Postado por Anício de Oliveira
 Músico Profissional desde 1995 
 Músico, Professor, Sideman e "filosofo" nas horas vagas! 
O roqueiro mais amante da MPB! 
 contato:anicioguitarra@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Acreditamos sempre na liberdade de expressão e na troca de ideias!
Por favor pense antes de comentar!
Se está com alguma dificuldade coloque o e-mail para podemos responder com mais clareza! Abraços! Ótimas Gravações!