quinta-feira, 12 de julho de 2012

Mixagem: trabalhando com o Izotope Ozone usando seu equalizador

DIFICULDADE: MÉDIA
DAW: QUALQUER UMA
PLUGIN: Izotope Ozone 3/4/5 (baixe aqui a versão 4)

Salve! Ficamos parados um tempo sem escrever pois estamos (graças a Deus) trabalhando sem parar! Eu prometi uma postagem sobre como fazer sua mixagem "soar milagrosamente a partir da voz" porém não adianta nada sem saber usar a ferramenta principal para isso acontecer: o equalizador/analisador do plugin Izotope Ozone. É importante você entender o "funcionamento" do plugin, já que minhas próximas postagens vou falar muito sobre "equivalência de frequências".
Nessa postagem vou postar algumas videos aulas do Ozone e explicar o que elas falam.

1) Equalizador do Ozone


O equalizador do plugin é paramétrico possuindo a função de analisador (spectrum analyser) trabalhando  com funções low self, notch (bell) e high self onde você pode definir o tamanho da "oitava" (Q band). A opção Snapshot faz com que você possa tirar "foto" da movimentação da música, atráves do analisador de espectro que mostra como está o comportamento da música em comparação a outra.

2)Usando "Spectrum Analyser"



A parte do video que interessa começa em 03:24 na parte onde inicia a explicação do "peak hold" (que são as formas em segundo plano do spectrum) onde o produtor mostra onde muda o "tempo" do espectro de 500 ms, para 100 ms, 1s e finalmente para "infinite". A função infinite é que abre as portas para a comparação do seu som com um uma música "comercial" e permite comparações profundas entre as gravações. Já em 04:20 é mostrado a mesma função, porém usando o espectro de 1º plano e novamente a função "real time" passa por vários tempos até chegar em "infinite". Essa função é super importante, pois ela irá mostrar como está o "comportamento" do som. 

3)Matching EQ
 Pra mim o melhor truque do plugin, pois os criadores tiveram a idéia de fazer sua gravação copiar a colocação de frequências de outras gravações. Não é muito simples fazer o truque, e necessários cometer alguns "erros". o video está em espanhol mas legendado em inglês:

 


Como você pode ver, o "matching EQ" tenta fazer sua música forçar sua música a ficar com o mesmo tipo de equalização do espectro, mas não ache que é assim tão simples, em uma músicas funcionando muito bem, mas na maioria não se nota diferença, daí você é obrigado a mexer em outros parametros como reverb, compressão e harmonic exciter, porém se você colocar mais referências e ajustar todas ao seu som,poderá ter um resultado muito legal, como mostra o video a partir de 01:30.

Por enquanto é só pessoal! Semana que vem vamos falar mais dessas funções, usando uma música minha como referência e outra será uma "bem famosa" avaliada, passo a passso!!!

Abraços!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Acreditamos sempre na liberdade de expressão e na troca de ideias!
Por favor pense antes de comentar!
Se está com alguma dificuldade coloque o e-mail para podemos responder com mais clareza! Abraços! Ótimas Gravações!